Caracóis doces de alfarroba e frutos secos… Dia Um…Na Cozinha

Tal como a Isabel Fernandes, uma das dinamizadoras do desafio Dia Um Na Cozinha, afirma o “outono é mesmo uma estação especial” porque se encontra associada  a ” tardes em casa ao som da chuva”, a “chocolate quente ou chá”, a “maratonas de filmes, a manta no sofá”, e a “forno ligado”, do qual ” exaltam odores inebriantes que inundam as cozinhas”. Por estes motivos todos, e mais alguns, a Isabel, autora do blogue Brisa Marítima, lançou, conjuntamente com a Aida e com o Paulo Herculano o tema “Pães Doces” para o desfile da 42ª edição do “Dia Um… Na Cozinha”. Foi com muito gosto de aceitei este desafio, após alguns meses sem conseguir participar.

Caracóis Doces de Alfarroba e Frutos Secos

caracóis doces de alfarroba

caracóis doces de alfarroba

caracóis doces de alfarroba

caracóis doces de alfarroba

Ingredientes

  • 1/2 chávena de margarina ou de manteiga sem sal (amolecida)
  • 100 ml de leite à temperatura ambiente
  • 150 ml de água morna
  • 1 saqueta de fermento Fermipan
  • 600 g de farinha T55
  • 60 g de farinha de alfarroba
  • 100 g de açúcar
  • 1 ovo
  • 1 colher de café de sal

Preparação

Aqueça a água a 37ºC  e junte-lhe o fermento. Misture. Deixe repousar 10 minutos.

Coloque as farinhas, o açúcar e o sal numa taça grande e faça um buraco no centro.

Junte o ovo e a manteiga e amasse. Vá juntando a água morna com o fermento reservada, amassando sempre. Termine com o leite e volte a amassar até que a massa fique uniforme e não se agarre à tigela.

Divida a massa em 12 pedaços iguais. Recorra à balança para ser mais preciso(a).

Enfarinhe uma superfície  e estique cada pedaço de massa fazendo uma tira que depois será achatada e enrolada com o formato de caracol.

Disponha os caracóis juntos num tabuleiro forrado com papel vegetal e deixe levedar cerca de 1 hora e meia a duas horas.

Pré-aqueça o forno a 200 ºC e leve os caracóis a cozer durante 25 minutos.

Ingredientes para a cobertura

  • açúcar em pó
  • água ou sumo de limão
  • 150 g de frutos secos (mix avelãs, caju, amêndoa, castanha do Brasil)

Preparação

Quando os caracóis tiverem arrefecido, disponha por cima destes os frutos secos, grosseiramente triturados na picadora. Poderá envolvê-los numa calda de açúcar idêntica à abaixo descrita e só depois dispô-los sobre os caracóis.

Numa taça, coloque algumas colheres de sopa de açúcar em pó e um pouco de água ou de sumo de limão. Misture muito bem até formar uma glace que corra em fio. Decore os caracóis com fios de glace. Espere que a glace seque ou delicie-se de imediato.

logotipo-dia-um-na-cozinha-novembro-2016

 

E do velho se fez novo… Falafel com Atum


Os Falafel são bolinhos vegetarianos originários do Medio Oriente, cujo ingrediente principal é o grão-de-bico. Fi-los para o workshop ‘Tapas Gourmet’, que dinamizei este mês de agosto na Loja DEBORLA da ilha Terceira, como poderão ver aqui. Hoje, trago uma versão diferente, com atum, como aproveitamento de dois lombos de atum que assei no forno, cujo tempero seguiu esta receita de cavala, que se encontra sempre no top ten das receitas mais visualizadas do blogue. No frigorífico havia também sobras de grão e de batata, de uma refeição de bacalhau-com-todos. E porque sou totalmente contra o desperdício, do velho se fez novo!

Falafel com Atum

Falafel com Atum

Falafel com Atum

Poderão encontrar esta e outras ardósias de servir nas lojas DeBORLA.

Micro pepinos originários da Quinta Biológica do TiCanoa

 

Falafel de Atum com Cuca Melon

Ingredientes

  • 2 lombos de atum assado no forno (300 g aprox.)
  • 200 g de grão de bico cozido
  • 200 g de batata cozida
  • 150 g de farinha T65 + para polvilhar as mãos
  • 1 colher de chá de fermento Royal
  • 1 cenoura raspada
  • 1 ovo
  • 1 cebola média
  • moinho de 5 pimentas
  • sal
  • salsa picada
  • cebolinho picado
  • óleo ou azeite para fritar

Preparação

  1. Coloque a cebola num robot de cozinha e triture finamente.
  2. Junte as postas de atum, o grão e a batata cozida e triture bem.
  3. Adicione o ovo, a cenoura raspada, a farinha, o fermento e misture bem.
  4. Termine com a salsa, o cebolinho, o sal e a pimenta. Envolva bem.
  5. Polvilhe as mãos com farinha e faça os falafel de atum do tamanho que entender.
  6. Leve a fritar em óleo quente.
  7. Sirva com maionese e com salada. (Servi com pequenos pepinos crocantes, denominados Cuca Melon).

Falafel com Atum

Falafel com Atum

 

 

 

E o mês de março começa com empadas e empadinhas

As empadas constituem um dos meus salgados favoritos. Estas podem ser grandes e ocupar uma assadeira inteira. Podem ser pequenas e ter imensos formatos. São petisco e são refeição, especialmente se forem acompanhadas de uma saladinha. Os ingleses adoram-nas e fazem-nas com variados recheios, sendo o mais famoso o de borrego, conhecida como Shepherd’s Pie.

Uma vez que este tema é tão apelativo, eu não pude de deixar de participar na edição do mês de março de Dia Um…Na Cozinha, totalmente dedicada às empadas. A minha sugestão recaiu nos legumes e no peixe. As sobras de ratatouille deram o mote e juntaram-se à latinha de atum em caldeirada, que se encontrava na prateleira do armário despenseiro a aguardar utilização.

As tábuas Gradirripas contribuíram sobremaneira para o destaque destas simples mas deliciosas empadas.

Et voilà, as  minhas Empadas de Ratatouille e Caldeirada de Atum!

empadas de ratatouille e caldeirada de atum

empadas de ratatouille e caldeirada de atum

Para o Ratatouille os ingredientes são os seguintes:

  • 1 pimento encarnado
  • 1 cebola
  • 1 beringela
  • 1 courgette
  • 2 tomates
  • 2 dentes de alho
  • 2 folhas de louro
  • Azeite
  • Sal
  • pimenta
  • tomilho fresco
  1. Colocar azeite a aquecer num tacho (o suficiente para um estufado).
  2. Picar 2 dentes de alho, e cortar os restantes legumes, num corte regular e do mesmo tamanho.
  3. Adicionar ao azeite a cebola, a beringela, o pimento e o alho. Juntar tomilho fresco, 2 folhas de louro e temperar com sal e pimenta.
  4. Cortar os tomates, eliminando as sementes, e adicionar a meio da cozedura. Por fim, adicionar a courgette. Ir mexendo e deixar cozinhar. Servir.
  5. Se preferirem fazer a receita no forno, poderão levar todos os ingredientes num tabuleiro ao forno e deixar assar entre 40 a 60 minutos.

Ingredientes para 8 empadas

  • 1 embalagem de massa folhada retangular
  • sobras de ratatouille
  • 1 lata de atum em caldeirada (marca Corretora)
  • gema de 1 ovo para pincelar
  • manteiga para untar as formas

Preparação das empadas

  1. Escolha formas de alumínio pequenas (as que utiliza para fazer queijadas)
  2. Unte as formas com manteiga derretida (utilizo um pincel)
  3. Faça círculos com uma forma ligeiramente maior do que o diâmetro das formas que irá usar.
  4. Forre a forma com o círculo de massa e pique o fundo com um garfo.
  5. Coloque metade da capacidade com pedaços de ratatouille ( legumes assados) e termine com uma colher de chá de caldeirada de atum.
  6. Com uma forma ciclíndrica mais pequena do que o diâmetro da forma onde a empada vai cozinhar (um cortador de bolachas redondo, por exemplo) corte as tampinhas da empada.
  7. Coloque uma tampa em cada empada e aperte os bordos da massa contra os bordos da tampa, selando a empada.
  8. Pincele com gema de ovo.
  9. Leve ao forno, pré-aquecido, a 200ºC cerca de 15 minutos, apenas com a resistência inferior. A 2 minutos do fim da cozedura, ligue a resistência superior.

 

empadas de ratatouille e caldeirada de atum

12545906_487750298074841_422959187_o

empadas de ratatouille e caldeirada de atum

empadas de ratatouille e caldeirada de atum

Logotipo Dia Um... Na Cozinha Março 2016

 

Cornucópias e paté de salmão

Workshop_Piquenique

Desenvolvi esta receita para o workshop DeBorla entitulado “Na Cesta do Piquenique”. Ontem descobri  que ainda não a tinha partilhado convosco. Na realidade, estas cornucópias de massa fofa são deliciosas para o pequeno almoço, para o lanche ou para um piquenique em família. Podem ser complementadas com um recheio doce ou salgado. Preparei um paté com queijo creme, salmão fumado e alcaparras que encantou quem provou.

Utilizei formas metálicas de cornucópia, nas quais envolvi a massa antes de ir ao forno.

cornucópias com paté de salmão fumado

Cornucópias com paté de salmão fumado

Ingredientes para os cones

  • 1k g de farinha
  • 20g de açúcar
  • 5 g de sal
  • 25 g de fermento fresco ou 3 colheres de chá de fermento seco
  • 50 ml de água morna
  • 2 ovos
  • 170 ml de leite
  • 60g de manteiga derretida
  • 1 ovo para pincelar
  • Sementes de sésamo e de papoila para polvilhar

Preparação

  1. Começar por misturar o fermento com a água morna até dissolver por completo. Reservar.
  2. Juntar o fermento à farinha.
  3. Adicionar aos poucos o açúcar, o sal, dois ovos inteiros, a manteiga derretida e o leite.
  4. Misturar tudo com as mãos. Deixar levedar uma hora.
  5. Cortar a massa em várias partes iguais. Deixar descansar 5 minutos.
  6. Fazer tiras de massa com 50 a 80 cm cada (o tamanho vai depender da forma metálica de cornucópia).
  7. Enrolar a tira no cone. Deixar descansar 20 minutos já no tabuleiro de ir ao forno, forrado com papel vegetal.
  8. Pincelar cada cornucópia de massa com ovo e polvilhar com as sementes.
  9. Levar a cozer em forno pré-aquecido a 200 °C entre 16 a 18 minutos até dourar. Deixar arrefecer totalmente.
  10. Rechear com paté à sua escolha.

 

Sugestão de paté

200 g salmão fumado

200 de queijo creme com ervas

2 colheres de sobremesa de sumo de limão

Alcaparras q.b.

cornucópias com paté de salmão fumado

Muffins salgados de bacon fumado e chourição

Estes muffins salgados são daquelas coisas que apetecem. Foram feitos para levar para um lanche de amigos mas também poderiam fazer parte da merenda da escola, da marmita do almoço ou até de um cabaz de piquenique.  O sabor deste muffin fez-me viajar até ao folar transmontano, mas em formato pequenino e sem a riqueza interior do verdadeiro folar.

Diapositivo3

Ingredientes e Preparação

Misturar de uma só vez os seguintes ingredientes:

2 chávenas de farinha de trigo com fermento

4 ovos

8 fatias de queijo cortado aos pedacinhos

150 gr de bacon fumado fatiado e cortado aos bocadinhos

80 g de chourição cortado aos pedacinhos

1/2 chávena de azeite

3 colheres de açúcar rasas

1 colher de sobremesa de fermento

1/2 colher de chá de sal.

Diapositivo1Diapositivo2

Colocar num tabuleiro de muffins as forminhas de papel e enchê-las com massa até 3/4.
Levar ao forno previamente aquecido durante 15 minutos ou até estarem cozidos.
Estas quantidades permitiram confecionar cerca de 20 muffins.

Diapositivo1

Bolo de curgette em dia de piquenique

Com a primavera começa o desejo por piqueniques. Com o verão esta ânsia acaba por se concretizar. Sem grande planeamento, e com o contributo de todos os convivas, a mesa do parque foi sendo preenchida com o que cada um trouxe na cesta. Foi um dia sem muito sol mas bastante agradável à sombra das árvores. Escolhemos novamente este ano os Viveiros da Falca, um lugar cuidado por mãos sábias onde a natureza é respeitada em todos os seus cursos.

Viveiros da FalcaViveiros da FalcaViveiros da FalcaViveiros da FalcaViveiros da FalcaViveiros da FalcaViveiros da FalcaViveiros da FalcaViveiros da FalcaViveiros da Falca

Viveiros da Falca

E como não pode haver piquenique sem bolo, eu fiz um bolo muito simples de chocolate e courgette sem cobertura, daqueles que não exigem prato. Corta-se uma fatia e saboreia-se até à última migalha sem que as mãos fiquem sujas de cremes.

Bolo de Chocolate e Courgette

Ingredientes

4 ovos médios

meio pacote de cacau em pó

300 g de courgette raspada às tirinhas

300 g de açúcar

400 g de farinha com fermento

1 colher de chá de fermento

1 colher de café de bicarbonato

1 colher de chá de aroma de baunilha

1 pitada de sal

Bolo de cholocate e courgette

Preparação

1. Batem-se as gemas com o açúcar muito bem.

2. Junta-se a courgette e bate-se até se obter um preparado aveludado.

3. Adiciona-se o cacau e o aroma de baunilha.

4. Peneira-se a farinha, o fermento e o bicarbonato para a tigela com o preparado anterior.

5. Batem-se as claras em castelo  com uma pitada de sal.

6. Unta-se e enfarinha-se uma forma e leva-se a cozer em forno pré-aquecido durante 30 minutos ou até o palito vir seco.

Bolo de cholocate e courgetteBolo de cholocate e courgette

Levem um bolo para o piquenique e sejam felizes ao ar livre!

Patrícia

Cookies de muesli e manteiga de amendoim com arandos…Vamos fazer bolachas?

Estas Cookies foram feitas por dois motivos: porque o frasco das bolachas já andava vazio há algum tempo e porque desejava participar no tema do Mês de Maio do grupo “Vamos fazer Bolachas“. Inicialmente era para terem sido Cookies de chocolate com pepitas de manteiga de amendoim, mas depois reparei que tinha a manteiga de amendoim e umas barritas de cereais a terminar o prazo de validade. Assim, juntei o útil ao agradável e saíram do forno estas cookies de muesli e manteiga de amendoim.

Foi com muito gosto que aceitei o desafio da Manuela do blogue Cravo e Canela, uma cozinha no Brasil.

Ficaram deliciosas, crocantes e tenrinhas… Uma receita a repetir.

Cookies de muesli e manteiga de amendoim com arandos

Diapositivo2Diapositivo1Ingredientes

2 chávenas de farinha

1 colher de chá de fermento

1/4 de colher de chá de sal

1 chávena de manteiga de amendoim

1/3 chávena de manteiga amolecida

2/3 chávena de açúcar mascavado escuro

1/3 chávena de açúcar

1 colher de chá de extrato de baunilha

2 ovos grandes

5 barritas de muesli com mel e arandos (25 g cada)

 

Preparação no robô de cozinha 

1. Pré-aquecer o forno a 200 ºC com a resistência superior e a inferior.

2. Colocar os ingredientes no copo do robô e misturá-los sem triturar. Utilizei a Bimby e marquei 2 minutos velocidade Espiga.

3. Forrar um tabuleiro com papel vegetal e dispor bolinhas de massa, espalmá-las para lhes dar o formato de cookie  deixando uma distância de dois dedos entre cada bolacha.

4. Levar a cozer com a resistência inferior, colocando o tabuleiro a meia altura para que as bolachas não fiquem escuras na base. Tempo de cozedura: 15 a 18 minutos para bolachas de 7 cm de diâmetro. A cozedura variará consoante o tamanho das bolachas.

Nota. Retirá-las do forno quando já estiverem alouradas à volta da base, mas ainda ligeiramente moles ao toque na superfície.

5. Transferir as bolachas para uma grelha para deixar que arrefeçam e acabem de cozer.

Preparação tradicional

Colocar os ingredientes numa tigela grande e misturá-los muito bem até estarem todos os ingredientes ligados.

Seguir os pontos 1,3,4 e 5 acima referidos.

Diapositivo1Diapositivo2