Gelado de Pitanga em finais de novembro

Há qualquer coisa de contraditório quando nos apetece um gelado em pleno mês de novembro. A verdade é que mesmo com a temperatura do ar a baixar um pouco, característica da aproximação do inverno, dentro de casa o espírito das receitas de verão prolonga-se todo o ano. Conjugou-se, assim, a vontade de um gelado com os frutos da nossa pitangueira. A ideia de usar as pitangas na confeção de um licor sobrepôs-se este ano ao desejo e à curiosidade de ver o desempenho das pitangas sumarentas num gelado outonal. O licor terá de ficar para o próximo ano!

Compus a fotografia do gelado neste lindo prato Bordalo Pinheiro, uma gentil oferta das minhas amigas Madalena e Isabel.

As decorações natalícias têm a assinatura DeBORLA.

gelado de pitanga

gelado de pitanga

Ingredientes

  • 20 pitangas
  • 2 pacotes de natas ( 200 ml cada)
  • 4 colheres de sopa de açúcar
  • 2 colheres de sopa de xarope de arando
  • 2 colheres de sopa de compota de frutos vermelhos
  • 2 bananas pequenas (ou 1 grande) maduras

Preparação

  1. Lave as pitangas e retire o caroço.
  2. No copo da varinha mágica, triture as bananas muito bem e junte as pitangas, triturando-as grosseiramente  Reserve.
  3. Numa tigela, bata as natas até estarem bem aguentadas.
  4. Junte às natas o açúcar e bata novamente.
  5. Adicione ao chantilly o xarope de arando e a compota. Junte a fruta triturada e envolva muito bem com a colher de pau.
  6. Coloque o gelado em pequenos moldes (usei moldes de mini-bundts) ou numa tigela que possa ir ao congelador.
  7. Sirva o gelado com xarope de arando.

gelado de pitanga

gelado de pitanga

xarope de arando

gelado de pitanga

Smoothie-on-a-stick de Ameixa e Framboesa

A receita que vos trago hoje é o que eu costumo denominar de smoothie-on-a-stick.  Seria um popsicle, picolé, ou  sorvete, como tão bem fazia a minha tia Maria, se consistisse  num bloco de polpa e/ ou sumo de fruta solidificado com um palito que atravessa verticalmente o interior, destinado ao manuseio de degustação. No entanto,  este não se trata de um gelado de água, mas de um género de smoothie solidificado, que pode funcionar como sobremesa e lanchinho durante o ano e pequeno- almoço ou ceia nos dias quentes de verão em que o calor só nos faz querer refeições leves e frescas.
Este smoothie-on-a- stick é um excelente aproveitamento para as frutas que vão ficando esquecidas na fruteira e um incentivo ao consumo de iogurtes para as crianças, e também adultos, que não os apreciem. É uma receita bastante saudável que decidiu ganhar corpo numas formas de pudim em silicone que comprei há tempos nas lojas DeBORLA.

Smoothie-on-a-stick de Ameixa e Framboesa

Smoothie-on-a-stick de Ameixa e Framboesa

Ingredientes

  • 600 g de ameixas bem maduras
  • 300 g de banana muito madura
  • 1 caixa de framboesas
  • 5 iogurtes de aroma (3 de morango e 2 de tutti-frutti)
  • 4 colheres de sopa de açúcar

Preparação

No copo de um robô de cozinha, triture a ameixa bem triturada, mas ainda a verem-se os pedacinhos de pele. Junte a banana e triture mais um pouco. Por fim, adicione as metade de uma caixinha de framboesas (reserve as restantes para a decoração e ou para a hora de servir).

Junte os cinco iogurtes e as quatro colheres de sopa de açúcar (se gostar dos popsicles muito doces, terá de adicionar mais duas colheres de açúcar; para mim as 4 iniciais é açúcar q.b. se tanto a ameixa como a banana estiverem bem maduras). Envolva com a polpa de fruta e encha as forminhas de silicone. Coloque no centro de cada forminha um pauzinho de gelado, que se aguentará no centro da forma devido à consistência pastosa do smoothie.

Leve ao congelador e retire cerca de 15 minutos antes de servir.

Smoothie-on-a-stick de Ameixa e Framboesa

 

Smoothie-on-a-stick de Ameixa e Framboesa

 

Um gelado de morango oito dias depois

Oito dias foi o tempo que distanciou esta receita da última aqui publicada. Quem é professor, ou convive com docentes, sabe que esta altura do ano é de extrema importância, uma vez que implica muitas decisões em reuniões de avaliação, muito trabalho burocrático relacionado com relatórios, organização de pastas e correção dos exames de escola e nacionais. É este trabalho de escritório, já sem alunos, o motivo da clausura diária da maioria dos professores, que vão espreitando pela janela o bom tempo e ansiando pela frescura do mergulho no mar ou na piscina e pelos refrescos e sombra da esplanada.

Este gelado de morango, que utilizou formas de picolés DeBORLA com o formato apetitoso das waffles, resultou assim da vontade de férias!

gelado de morango_foodwithameaning

gelado de morango_foodwithameaning

gelado de morango_foodwithameaning

Ingredientes

  • 1 chávena almoçadeira pequena de morangos picados
  • 1 iogurte grego natural
  • 1 pacote de natas
  • açúcar em pó a gosto
  • aroma de baunilha

Utensílios

formas para picolés (as em forma de waffle poderá encontrar à venda nas lojas DeBORLA)

Preparação do Gelado

  1. Lavam-se os morangos muito bem, retiram-se os pés e partem-se em pedaços até encherem uma chávena almoçadeira.
  2. Bate-se o pacote de natas até estas ficarem fofas. Junta-se o iogurte grego e adoça-se com açúcar em pó a gosto.
  3. Levam-se os morangos a triturar até ficarem com a consistência desejada (com pedaços pequenos ou não)
  4. Juntam-se os morangos ao preparado anterior. Retifica-se novamente o açúcar e verte-se para uma marmita para se iniciar o processo de congelação.
  5. Após uma hora de congelação, retira-se o gelado e mexe-se muito bem para se quebrarem os cristais de gelo já criados. Repete-se o mesmo processo uma hora depois.  Volta ao congelador mais duas horas, no mínimo, antes de servir.
  6. O gelado poderá ser servido acompanhado de morangos frescos, de um coulis de morangos ou de molho de morango de compra.

 

gelado de morango_foodwithameaning

Welcome April!

waffles_foodwithameaning

waffles_foodwithameaning

Hoje o dia amanheceu radioso para dar as boas-vindas ao mês de Abril. Houve, assim, tempo apanhar flores selvagens e para um pequeno almoço demorado com três crianças à mesa. As festas de pijama com a prima, que está cá de férias, pedem sempre pequenos-almoços apetitosos. Desta vez, as waffles foram as escolhidas. A massa rendeu tantas waffles ao ponto de ainda servirem de sobremesa para o almoço, agora já acompanhadas de gelado de nata marmoreado com coulis de morangos e de xarope de morango. As crianças adoraram e os adultos também!

waffles_gelado de nata e coulis de morango_foodwithameaning

waffles_gelado de nata e coulis de morango_foodwithameaning

waffles_gelado de nata e coulis de morango_foodwithameaning

Para as waffles:

Ingredientes

  • 2 ovos
  • 1 chávena e ¾ de leite
  • 2 colheres de sopa de açúcar
  • ¼ colher de chá de sal
  • 1 vagem de baunilha
  • 2 chávenas de farinha com fermento
  • 1 colher de de chá de fermento

Preparação

1.Pré-aqueça a máquina de waffles.

2. Numa tigela, junte todos os ingredientes secos.

3. Vá juntando adicionando os restantes ingredientes e mexendo vigorosamente com recurso a uma vara de arames (fouet). 

4. Unte a forma das waffles com óleo em spray ou pincele-a. Encha a forma de waffles até 2/3 da capacidade.  Feche a máquina e siga o tempo de cozedura constante do manual de instruções.

Sirva as waffles com o gelado de nata, o coulis de morango ou com xarope de morango.

 

Para o gelado de nata:

Ingredientes 

  • 400 g de nata fresca
  • 2  iogurtes gregos
  • 250 g de açúcar em pó

 

Preparação do gelado

1. No liquidificador tradicional, ou no copo da Bimby, triturei a fruta até ficar com pedacinhos muito pequenos.
2. Adicionei o açúcar. Marquei 1 Min. Vel. 5.

3. Com a batedeira, bati as natas até ficarem fofas. Adicionei-lhes os iogurtes. Misturei tudo muito bem com a batedeira.

4. Coloquei a mistura no congelador num recipiente com tampa.

5. Passada uma hora, retirei o gelado do congelador e mexi-o com uma colher de pau para destruir os cristais de gelo. Voltei a colocá-lo no congelador. Voltei a repetir este procedimento uma hora depois.

Para o coulis de morango

  • 100 g de morangos triturados (frescos ou congelados)
  • 80 g de açúcar
  • meia folha de gelatina
  • 1 colher de sopa de sumo de lima ou de limão
  • 1/3 copo de água

Preparação do coulis

1. Demolhei a gelatina durante 5 minutos numa tacinha com um terço de copo de água fria.

2. Coloquei os ingredientes no copo. Triturei na vel. 5-7-9 e programei 5 min, 100 C, vel. 2.

3. Juntei a gelatina espremida e misturei uns segundos na vel. 3.

Dica: Gosto de adicionar algum coulis ao gelado na última vez que o mexo antes deste congelar totalmente. Tal como para o bolo mármore, risco o gelado com coulis, ficando assim com um efeito marmoreado.

Servi o gelado de nata e de morango com xarope de morango e granola.

waffles_gelado de nata e coulis de morango_foodwithameaning

waffles_foodwithameaning

Bem-vindo mês de abril!

Picolé de morango, lima e manjericão

Os dias quentes são sempre tempos de gelados e refrescos. As limonadas, as águas aromatizadas e os chás têm sido por isso presença habitual nas nossas mesas de almoço e de jantar. O gin também, visto muito mais como uma bebida de fim de tarde e sempre com uma saqueta de infusão de romã, como me serviu a minha amiga Lucília em sua casa no início deste verão. Fiquei fã. Qualquer dia, partilho a receita convosco.

Hoje, a sugestão recai neste picolé de morango e lima para celebrarmos a estação.

picolé de morango_foodwithameaning

sorvete de morango e lima

 

Picolé de Morango, Lima e Manjericão

  • 3 copos de chá de frutos vermelhos
  • ¼ de copo de folhas de manjericão frescas
  • 1 lima sem casca e cortada aos pedaços
  • 4 morangos
  • 4 colheres de sopa de mel ou de agave

Fazer o chá. Deixar arrefecer.

Colocar todos os ingredientes numa misturadora até se obter uma consistência suave. Coar.

Encher os recipientes de sorvete.

Levar ao congelador até solidificar.

 

Servir num dia quente de verão!

sorvete de morango e lima

 

Gelado de iogurte e lemon curd

No verão, os gelados são presença habitual, por serem frescos e cheios de sabor. Apesar de este mês me encontrar a aproveitar dias de descanso junto da família, e de a cozinha estar, por esse motivo, a meio-gás, apeteceu-me um gelado refrescante e cremoso, que faz lembrar, segundo a minha filha, o Corneto de Limão da Olá. Para isso, contribuíram, sem dúvida, o limão e o iogurte.

3

Ingredientes para o gelado

4 iogurtes naturais

2 iogurtes de aroma de limão

2 pacotes de natas

300 g de açúcar em pó

Modo de preparação

1. Numa taça, bater as natas até estarem consistentes.
2. Adicionar o açúcar em pó.
3. Juntar os iogurtes e bater tudo com a batedeira.
4. Fazer uma camada de gelado, outra de lemon curd, outra de gelado e terminar com lemon curd.

Utilizar apenas metade do lemon curd.Guardar o restante no frigorífico num frasco para utilizar como topping na altura de servir.

5. Colocar a mistura no congelador num recipiente com tampa.
Passadas duas horas, retirei o gelado do congelador e mexi-o com uma colher de pau para destruir os cristais de gelo. Voltei a colocá-lo no congelador. Repeti este procedimento novamente duas horas depois.

 

Ingredientes para o lemon curd

160 g de açúcar

2 limões

60 g de manteiga

2 ovos

Preparação na Bimby

Coloque no copo o açúcar e pulverize 20 Seg/Vel. 9

Junte as cascas de limão (só a parte amarela) e rale 15 Seg/Vel.9.

Adicione a manteiga, o sumo dos limões e marque 1Minuto/Vel.2.

Junte os ovos e misture 10 Seg/Vel.4.

De seguida, programe 7 Minutos/80ºC/Vel.2. Retire, deixe arrefecer e guarde em frascos esterilizados, no frigorífico.

gelado de limão com lemon curd

Gelado de menta… em flash-back

A cor deste gelado faz-me recordar o primeiro carro do meu pai, um Toyota Corolla de 1973 de cor verde-água. Transporta-me também para as água cristalinas do Mar das Caraíbas, conjugadas com muito sol, palmeiras, risos, refrescos e calor. Lembra-me também a cor das riscas das barraquinhas de praia e faz-me suspirar muito pela chegada do verão.

A vontade deste gelado surgiu assim de forma inusitada. Sabe tão bem fazer as vontades à vontade!

Gelado de menta

gelado de menta_foodwithameaning

gelado de menta_foodwithameaninggelado de menta_foodwithameaning

Ingredientes

500 ml de natas

200 ml de iogurte grego

200 g de açúcar

100 ml xarope de menta (marca Teisseire)

corante alimentar líquido de cor verde (3 ou 4 colheres de chá)

chocolate de culinária picado

Preparação

Batem-se as natas até terem a consistência de picos.

Adiciona-se o iogurte grego. Bate-se novamente.

Junta-se o açúcar e bate-se muito bem até desaparecer todo o granulado.

Adiciona-se o xarope de menta. Este para além de acrescentar o sabor a menta vai também atribuir ao gelado alguma cor.

Junte o corante alimentar colher a colher, batendo com a batedeira entre adições.

Notas.

– Poderá querer adicionar mais quantidade de xarope de menta. Vá provando e decida se a quantidade que sugiro é suficiente. Para mim foi.

– Se utilizar corante em gel obterá a cor verde com menor quantidade do que a atrás referida. Nada melhor do que ir adicionando o corante e ir batendo até obter a cor desejada.

gelado de menta_foodwithameaninggelado de menta_foodwithameaning
gelado de menta_foodwithameaning