Simplesmente o MELHOR bolo de chocolate de SEMPRE…Brooklyn Blackout Cake

Brooklyn Blackout Cake

Brooklyn Blackout cake
Um verdadeiro vício para os fãs de chocolate é como posso caracterizar o Brooklyn Blackout Cake. Para além disso, é para mim o melhor bolo de chocolate de sempre, que destronou por completo o meu bolo pantagruélico, já de si também uma sumidade.
O Brooklyn Blackout Cake é um delicioso bolo em camadas, recheado com um tentador custard (pudim) de chocolate e polvilhado com migalhas do próprio bolo.
A prova está à vista! As gulosas quiseram logo deliciar-se com o pratinho da foto! E foram apanhadas em flagrante delito!
Brooklyn Blackout cake
Aceitei novamente, e com muito gosto, o desafio da Lia e da Susana e, com este bolo,  participo na 2ª edição do nosso “Sweet World“.
A Lia contou assim a sua história:
“Fundada em 1898 por George e Catherine Ebinger, proprietários de uma vasta e popular cadeia de lojas em Brooklyn, a Ebinger Baking Company desenvolveu este clássico americano durante a II Grande Guerra Mundial.
O seu nome deve-se aos apagões que a cidade se viu obrigada a praticar durante aquele que foi, sem dúvida, o período mais conturbado (e eu acrescentaria, vergonhoso) da história da humanidade.
Os apagões eram praticados para que, quando os navios de guerra partiam para as batalhas, não fossem detectados pelos aviões inimigos, sendo que, todas as luzes da cidade se apagavam e todas as janelas eram cobertas com material de cor preta.”
Depois da estória, o bolo sem o blackout (agora a cores)
Brooklyn Blackout Cake
Ingredientes para o recheio e cobertura:
  • 75g Maizena
  • 600ml leite gordo
  • 300g açúcar refinado amarelo
  • 1 colher sopa de golden syrup
  • 100g cacau em pó, peneirado
  • 1 colher chá de extracto de baunilha
  • 100g manteiga sem sal, cortada em cubos
Preparação
Misturar a Maizena com 1/3 do leite e mexer bem até obter uma mistura sedosa.
Num tachinho, mexendo sempre, levar ao lume o restante leite, juntamente com o açúcar, o golden syrup e o cacau, até levantar fervura e a mistura estar cremosa.
Adicionar a mistura da Maizena à mistura anterior, mexendo sempre até obter um custard espesso e cremoso.
Retirar o tacho do lume e adicionar a baunilha e a manteiga, mexendo até a manteiga derreter.
Despejar a mistura numa taça, cobrir a superfície do custard com película aderente e reservar.
Nota: Convém fazer este preparado com umas horas de antecedência para que possa arrefecer completamente.
Para o bolo:
  • 180g manteiga sem sal, cortada em cubos + extra para untar as formas
  • 300g açúcar refinado amarelo
  • 3 ovos médios
  • 1 colher chá de extracto de baunilha
  • 50g cacau em pó
  • 1 colher chá de fermento em pó
  • 1 colher chá de bicarbonato de sódio
  • 280g farinha
  • 200ml leite gordo

Preparação

Aquecer o forno a 190ºC e untar 2 formas de fundo amovível, com 20cm de diâmetro e 5cm de profundidade.
Peneirar os ingredientes secos para uma taça e reservar.
Bater a manteiga com o açúcar, até obter uma mistura cremosa.
Incorporar os ovos, um de cada vez, batendo bem entre cada adição.
Adicionar a baunilha, seguida dos ingredientes secos – metade de cada vez – batendo bem entre adições.
Finalmente adicionar o leite e combinar tudo muito bem.
Dividir a mistura pelas duas formas, alisando as superfícies e levar ao forno por 30 a 40 minutos, ou até que um palito inserido no meio de cada bolo saia limpo.
Retirar os bolos do forno, passar uma faca à volta dos bolos e deixar arrefecer nas próprias formas.
Quando frios, desenformar os bolos e cortá-los ao meio longitudinalmente, ficando assim com 4 discos.
Triturar um dos discos no robot de cozinha, reduzindo-o a migalhas e reservar.
Para montar o bolo, espalhar 1/4 do custard sobre uma das metades do bolo, cobrindo-o com a segunda metade de bolo.
Espalhar mais 1/4 do custard sobre o segundo bolo, cobrindo-o com a terceira metade de bolo.
Espalhar o restante custard por cima e dos lados do bolo todo e cobrir tudo com as migalhas reservadas.
Refrigerar o bolo por algumas horas e retirar do frigorífico cerca de 15 a 30 minutos antes de servir.
Brooklyn Blackout Cake
Uma tentação, não acham?
Anúncios

7 thoughts on “Simplesmente o MELHOR bolo de chocolate de SEMPRE…Brooklyn Blackout Cake

  1. Mar

    Bolo de chocolate a sério. Inequivocamente de chocolate. Não sei se me imagino capaz de cumprir esses procedimentos todos para o fazer, mas imagino-me facilmente a comer uma (ou mais) fatias:) Tem um aspecto maravilhoso, Patrícia. E a vossa alegria (gulosa) também.

    Dias doces para todos.

    Mar

    Gostar

  2. Lia

    Patrícia!!!
    Muito obrigada!!
    Estou encantada com as tuas fotos, o aspecto do teu Brooklyn e esse Blackout das fotos iniciais. Lindíssimo e genial!!
    Obrigada por mais uma participação deliciosa, por usares a receita que apresentei e por teres gostado. Eu não amo chocolate e amo este bolo sem dúvida, pois acho o pudim fabuloso em termos de textura e sabor.
    Um beijinho,
    Lia

    Gostar

  3. Susana_bastacheio

    Patrícia, é tão bom começar por ler esse teu título. E bem gratificante saber que esta receita te fez encontrar o teu melhor bolo chocolate. 🙂
    Olha que ainda não fiz o teu pantagruélico mas não me esqueci dele.
    Está lindo lindo, bem húmido e intenso, como deve de ser.
    Muito Obrigada por mais uma excelente participação e esperamos continuar a contar com a tua companhia. Já espreitaste o novo tema? 😉

    Bjinhos

    Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s