Bolo de Napoleão… para o Entrudo…que já passou

Bolo de Napoleão_foodwithameaning

O Bolo de Napoleão remonta a tempos imemoriais. A origem do nome Napoleão tem várias versões. A receita foi desenvolvida na Rússia, em 1912,  em homenagem aos 100 anos do exílio de Napoleão. Bonaparte é considerado o primeiro líder militar  a preocupar-se com a qualidade alimentar dos seus comandados. Ele percebeu que podia conquistar as pessoas pela boca e sabia como ninguém agradar à nobreza, ao exigir pratos esteticamente bonitos em fabulosos almoços e jantares. Assim se deu a valorização da gastronomia francesa, sendo Paris a capital mundial da gastronomia. O bolo de Napoleão lembra a sobremesa francesa mil folhas, ou mille-feuille, composta por camadas de massa folhada e creme. Existem imensos métodos para a preparação de massa — cada família russa tem o seu próprio, o que significa que o bolo Napoleão se tornou um verdadeiro prato nacional da cozinha russa.  Existem também variações nos recheios: com creme de ovos, o tradicional, com chantilly e com leite condensado, e  decorações (na decoração tradicional, o bolo é coberto com o mesmo creme de ovos do recheio, sendo forrado com pedacinhos estaladiços de uma das folhas de massa folhada. Atualmente, o Bolo Napoleão continua sendo uma das sobremesas mais solicitadas no leste da Europa, nomeadamente na Rússia e na Ucrânia. Esta sobremesa é presença obrigatória nas mesas da ceia de natal e nas festas de ano novo nestes países. Confecionado da forma tradicional, como poderão ver nos links do final do post,  este bolo demora um pouco para ficar pronto, tendo em conta que terão de ser feitas seis a sete camadas de massa folhada; ter-se-á de aguardar que o creme do recheio refrigere antes de montar o bolo e guardá-lo no frigorífico 24 horas antes de ser consumido para que as folhas de massa folhada absorvam a humidade do recheio.

Como sou muito prática na cozinha, e quem assiste aos meus workshops sabe que valorizo as receitas simples, rápidas e cheias de sabor, descobri as bases deste bolo na loja O BOCAS- Sabores do Mundo, uma loja que vende produtos típicos de alguns países, pesquisei muitas receitas e acabei por  fazer a minha versão, que contempla as camadas de massa folhada e o creme de ovos, como na receita original. Entretanto, resolvi acrescentar ao bolo mais sabor e textura, introduzido numa das camadas leite condensado cozido e noutra chantilly e nozes trituradas.

Bolo de Napoleão_foodwithameaning
O Bolo Napoleão é uma receita clássica de um bolo mil folhas com clara influência da culinária francesa.
Bolo de Napoleão_foodwithameaning
Poderão encontrar o prato de bolo, com a respetiva tampa de vidro, na loja DeBORLA, mais perto de si.
Ingredientes
  • 1 embalagem com 4 bases de massa folhada pronta a consumir (ver foto abaixo)
  • 1 lata de leite condensado cozido
  • 200 ml de natas com baunilha (da Parmalat)
  • seis colheres de sopa de açúcar
  • 300 ml de natas vegetais
  • nozes
  • 500 ml de leite
  • 2 ovos
  • 50 g de açúcar (coloquei 80 g)
  • Aroma de baunilha ou vagem de baunilha
  • 15 g de amido de milho (maizena)
– Faz-se o creme inglês, deixa-se arrefecer e leva-se a refrigerar.
Creme Inglês (receita tradicional)

Verte-se o leite num tacho, deixando de reserva ½ copo. Deita-se o açúcar no tacho e a vagem de baunilha. Fica a levantar fervura. Sai do lume e elimina-se a vagem de baunilha. Coloca-se as gemas num recipiente, mistura-se a maizena e dissolve-se o creme resultante com o leite frio reservado. Passa-se por um coador o leite fervido e verte-se, gradualmente, sobre o creme obtido, batendo energicamente. Leva-se o creme ao lume no mesmo tacho onde se ferveu o leite e cozinha-se, mexendo continuamente, até o creme chegar ao ponto de ebulição. O creme não deve levantar fervura. Fica pronto ao espessar.

– Coloca-se leite condensado numa tigela e mexe-se muito bem com uma colher. Reserva-se.
– Batem-se as natas com baunilha e quando estiverem consistentes acrescentam-se duas colheres de açúcar e bate-se novamente. Reservam-se.
– Trituram-se as nozes. Reservam-se.
– Batem-se as natas vegetais e depois acrescentam-se quatro colheres de sopa de açúcar. Reservam-se.
Montagem do Bolo
  1. Coloca-se creme inglês no prato de bolo e em cima a primeira camada de massa folhada. Pressiona-se para colar. Poderão montá-lo com um aro amovível para que as placas de massa folhada não deslizem. O resto do bolo é montado dentro do aro. Eu não usei.
  2. Em cima da placa de massa, faz-se uma camada com creme inglês e coloca-se outra placa de massa.
  3. Recheia-se agora com a camada de chantilly com baunilha e com nozes trituradas e assenta-se outra placa.
  4. Recheia-se com leite condensado cozido e dispõe-se a última placa de massa folhada.
  5. Termina-se com as natas vegetais batidas. Utiliza-se um saco de pasteleiro com bico de estrela para a decoração. Polvilha-se com a restante noz triturada. 
  6. Serve-se fresco.   Nota. Se optarem por fazer o bolo com o aro amovível, passa-se agora uma faca entre o aro e o bolo e cobre-se todo o bolo com o restante creme inglês (não levando assim a decoração em chantilly). Polvilha-se as laterais e o cimo do bolo com massa folhada quebrada aos pedacinhos. Esta cobertura de massa folhada espedaçada protege o creme inglês de criar uma crosta. Esta é a forma tradicional de o fazer, como podem ver nos links e na foto da caixa das bases que se encontra na fotografia abaixo.Bolo de Napoleão_foodwithameaning

 

Depois de decorar o bolo, servi-o de imediato, ainda com os recheios refrigerados, mas com a massa estaladiça. A minha versão de Bolo Napoleão, portanto!

Bolo de Napoleão_foodwithameaning

link com confeção da receita em português do Brasil

link com confeção da receita em Inglês

5 thoughts on “Bolo de Napoleão… para o Entrudo…que já passou

  1. Susana_bastacheio

    Que bolo maravilhoso, Patrícia!
    Adoro massa folhada e todas essas camadas de recheio são divinais.
    Bolo Napoleão só conheço mesmo o que se vende por cá em todas as pastelarias, e que, efectivamente, apresenta a estrutura desta tua maravilha. Ficou lindo e só pode ser altamente delicioso.
    Mais um magnífico bolo do mundo🙂
    E não te esqueças do Sweet World, teremos imenso gosto em ter-te por lá!🙂

    Bjinhoss

    Gostar

  2. Bombom

    Não conhecia o Bolo Napoleão nem a sua história. O que me ensinas!
    Este bolo além da diversidade de sabores e textura, faz muita vista o que o torna muito requintado e o prato de serviço que escolheste é a cereja no topo do bolo.
    Gostei muito. Bjs. Bombom

    Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s