O meu Bûche de Noël… Boas Festas

Todas as regiões do mundo que celebram o Natal são, nesta altura do ano, ricas em iguarias doces e salgadas, umas mais específicas e outras mais internacionais. O Tronco de Natal é uma sobremesa típica, servida no fim do ano na França, Bélgica, Canadá, Líbano, Vietname e muitos outros países francófonos. Como o próprio nome indica, o bolo é preparado, presenteado e guarnecido para que aparente um pedaço genuíno de lenha prestes a ser queimada, como se usava nos antigos festivais de fogos do solstício de inverno.
A torta tradicional é confecionada em pão-de-ló, geralmente cozida numa assadeira grande e rasa (de brioche), congelada, enrolada na forma de cilindro e congelada novamente do lado de fora. A combinação mais comum é um básico bolo-esponja amarelo, congelado e recheado com chocolate e creme de manteiga; contudo, existem muitas variações da receita original, podendo incluir massas de bolo de chocolate, ganache e café ou sabores diversos, glacês e recheios. As tortas são servidas frequentemente com a porção final fatiada e fixada no topo do bolo ou saltada para o lado para se assemelhar a um tronco serrado, e a textura da casca-de-árvore é produzida com creme de manteiga ou ganache de chocolate para ressaltar o realismo. Este efeito é obtido invariavelmente arrastando um garfo sobre a cobertura. Com a ponta de uma colher de chá desenham-se os nós da madeira.

Esta receita que vos trago advém do facto de eu adorar bolos com frutos secos na massa. Resolvi colocar a mesma quantidade de noz picada e de farinha, numa tentativa de equilibrar forças que, no meu entender, resultou muito bem. Para o recheio elegi o queijo mascarpone, batido com açúcar em pó e aromatizado por licor Cafetino (de capuccino). A cobertura do tronco foi feita com recurso a uma ganache de chocolate. Confesso que gostei tanto do resultado que vou repetir a receita para a mesa do Natal.

tronco de natal_foodwithameaningtronco de natal_foodwithameaning

Tronco de Natal
Para a torta
• 100 g de nozes picadas
• 6 ovos
• 100gr de açúcar em pó
• 100gr de manteiga
• 100gr de farinha
• 1 colher de café de fermento

Para o recheio (creme de café)
• 200 g de açúcar em pó
• 200 g de queijo mascarpone
• licor cafetino (de capuccino)

Para a cobertura
• 1 tablete de chocolate negro
• 1 colher de sopa de natas
• 1 cálice de moscatel

1. Unte um tabuleiro com manteiga e forre com papel vegetal. Utilizei o tabuleiro do forno.

2. Coloque as nozes na picadora e triture-as o mais possível.
3. Numa tigela, bata o açúcar com a manteiga, que deve estar à temperatura ambiente, até obter um creme esbranquiçado.

4. Adicione as gemas e bata muito bem.

5. Junte as nozes trituradas (quase em farinha).

6. Bata as claras em castelo.

7. Aos poucos, vá adicionando a farinha (previamente misturada com o fermento) e envolva as claras cuidadosamente, sem bater.

8. Verta o preparado no tabuleiro e leve ao forno pré aquecido a 180ºC, aproximadamente 20 minutos. Usei ambas as resistências do forno conjuntamente com a ventilação.

9. Desenforme a torta sobre um pano polvilhado com açúcar ou utilize o próprio papel vegetal da cozedura para enrolar a torta (achei mais facilitador)
Obs. Deixe arrefecer a torta antes de colocar o recheio, para evitar que este derreta.
Obs. Após 15 minutos de cozedura, convém espreitar a torta e fazer o teste do palito no centro. Se a torta ficar demasiado cozida poderá tornar-se quebradiça, o que é de evitar.
Obs. Enrole a torta ainda quente, deixando-a enrolada até arrefecer e estar pronta para rechear.

10. Barre a torta com o creme de café. Para se obter este creme, bata o açúcar com o queijo mascarpone até ficar homogéneo. Ir acrescentando o licor para facilitar a consistência. Se preferir pode adicionar mais açúcar em pó. Bater bem até obter um creme pronto a barrar.

11. Para a cobertura, partir o chocolate negro em pedaços e derreter em banho-maria com a manteiga. Se preferir utilizar o micro-ondas, derreta o chocolate marcando um período inicial de 30 segundos, mexa com uma colher e volte mais uns segundos. Convém ir observando o evoluir pelo vidro do micro-ondas. O chocolate nunca deve ferver ou fica inutilizado. Depois junte a manteiga amolecida ou se preferir natas.

12. Barre a torta com a ganache de chocolate e com as costas da colher faça movimentos com o chocolate por forma a imitar os sulcos da casca de um tronco de árvore. Poderá também fazer os sulcos com um garfo em todo o comprimento do tronco.

13. Decore a gosto com montinhos de côco e cerejas em calda ou com símbolos do natal. Eu optei por decorar com bolinhas prateadas, com um raminho  e uma rena saltitante.

tronco de natal_foodwithameaning

A receita dos Sonhos de Abóbora e Laranja encontra-se neste link.

A receita do Bolo D. Amélia encontra-se neste link.

Votos de Festas Felizes!

5 thoughts on “O meu Bûche de Noël… Boas Festas

  1. Susana_Basta Cheio

    Patricia, que lindo Tronco de Natal!
    Gosto sempre da forma como abordas estas tradições e nos ensinas um pouco mais.😉
    Por cá não ligamos muito a este doce, mas o facto de teres introduzido a noz na massa despertou-me interesse. Ficou certamente muito mais húmida e saborosa.
    Feliz Natal para ti e toda a familia e Excelente 2016.

    Bjinhos grandes

    Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s