Compota de tomate-uva

Surgiram assim. Espontaneamente. Junto a um dos nossos muro de pedra.  Expandiram-se com a ajuda do sol e da chuva. Totalmente autónomos. Agarraram-se a outras plantas, que utilizaram como suporte para os seus cachos, de tomate-uva.


Reservei alguns para salada. Com os restantes, fiz esta compota de tomate-uva.


Lavei os tomates e triturei-os mesmo com casca e sementes, por serem pequenos. Recorri a um coador e, com a ajuda de uma colher de pau, separei as cascas e as sementes da polpa.

Pesei a polpa e e coloquei-a numa panela de boca larga.

Adicionei metade do peso da polpa em açúcar.

Juntei um pau de canela e 2 ou 3 cravinhos.

Mexi e deixei ferver em lume baixo até fazer ponto estrada.

Nota: O doce tem tendência a verter,  para fora do tacho,  na primeira meia-hora,  pelo que deverá manter-se alguma vigilância e ir-se mexendo com uma colher de pau com alguma frequência.

Continuação de um ótimo verão.

Patrícia

10 thoughts on “Compota de tomate-uva

  1. Ondina Maria

    Que lindos! Isso é que é sorte, ter ums belos tomates que resolveram habitar aí em casa. Por cá só mesmo se forem plantados, e estamos seriamente a pensar nisso, pelo menos destas variedades assim pequenas (que os 5m2 de varanda já estão ocupados com muitas agricultura!!!!

    Gostar

  2. Maria

    Que sorte que tiveste! Isto é que é uma “cultura espontânea”, lol…
    Ontem também fiz doce de tomate, dos que os meus sogros produzem.
    As fotografias ficaram lindas!
    Bjs.
    Maria

    Gostar

  3. cozinhadaduxaduxa

    Olá Patricia, que sorte com os tomatinhos, costumo ter ervas aromáticas deixadas pelos passarinhos,
    mais que isso não…, é de aproveitar e ficar feliz:)
    O doce está sugestivo a escorregar sobre a faria de pão, que foto!!!
    Hoje também publiquei doce de tomate, estamos em sintonia.
    Beijinhos, continuação de boas férias.

    Gostar

    • foodwithameaning

      Olá linda. Obrigada pela tua dica. Vou experimentá-la no próximo doce que fizer. Se for assim tão fácil, fico com a vida facilitada e não tenho de andar sempre a espreitar o fogão.
      Beijinhos para ti e para os teus amores.

      Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s